PAPEL DOS ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO NA VIDA DO SEU “DONO".


Este texto é um resumo da mensagem Canalizada por Nisete Machado em REVELAÇÕES DE MESTRE KHUTUME que em uma de suas encarnações foi São Francisco de Assis.

Fiz um resumo deste texto pois vem de encontro a maneira como percebo a interação entre os animais e o homem. e a causa de seu adoecimento.

A Floralvita foi criada a partir da necessidade de orientar e equilibrar os "donos" dos animais com terapia floral para fortalecer esta interação e restabelecer a saúde.

O texto integral pode ser encontrado no site:

http://alquimiadaalma.com.br/mensagem-de-sao-francisco-de-assis-a-importancia-dos-animais-para-que-a-vida-se-mantenha-no-planeta/

Sabeis que os animais são Bênção Divina em vossas vidas,

que vos são ofertadas para evoluírem por um tempo ao vosso lado.

Os animais chegam às vossas vidas como voluntários no papel de vossos guardiões e atuam, por livre escolha, como “para - raios” das energias negativas produzidas pelo campo emocional seus donos, e aquelas enviadas externamente contra seu dono, como feitiçarias, pragas rogadas, inveja e maus pensamentos.

Para diminuir as dores e carmas pessoais de seu protegido, os animais puxam para si essas energias negativas, mas poucos conseguem transmutar completamente por muitos anos nessa parceria, passando também a desenvolver as doenças do homem e dependendo do peso da carga, muitas vezes acabam desenvolvendo doenças crônicas.

Os animais não guardam emoções ressentidas, portanto o que geraria o câncer neles,

se não o acúmulo em seu campo energético das emoções desenfreadas de seus donos?

Os animais também atuam a partir de seus reinos, como transmutadores naturais das energias geradas pelo inconsciente coletivo jogado na atmosfera do Planeta.

Muitas vezes assumem espontaneamente para si as lesões que tais energias poderiam causar na Natureza e em seu dono.

Quando a assimilação dessas energias danosas leva ao desencarne do bichinho, isso ocorre pela escolha do próprio animal, que o faz pelo amor incondicional de proteger o seu dono com sua própria vida, o que é motivo de felicidade e sensação de dever cumprido, ele a princípio, não sofre por causa disso.

O homem interfere no curso natural desta ação, pois nos casos de doação da vida de forma espontânea por parte do animal, se o dono continuar nutrindo por muito tempo o sofrimento em razão da sua partida, de nada ou pouco valerá o “sacrifício” do bichinho que se foi, pois o homem estará mantendo o espírito do bicho enredado nas teias que os ligavam àquelas energias as quais o animal se doou para livrá-lo, dificultando o trabalho dos “franciscanos” a encaminhá-los e impedindo sua evolução.

Vibrar pela liberdade da alma de quem se ama é o verdadeiro amor.

Por isso, é muito importante saber, que não devem alimentar o desejo fixo de que

vosso animal que partiu, retorne a vós em uma próxima encarnação.

O benefício real à alma do animal é que o deixe livre para evoluir conforme o grau que já tenha atingido, pois é espírito e não um objeto que acha que lhe pertence.

Então, é muito importante prestar a atenção e aprender a gerenciar vossos pensamentos, sentimentos, emoções e atitudes, uma vez que os carmas gerados por vós, ressoam diretamente no processo evolutivo de todo o reino animal, mas principalmente daqueles animais que estão ligados a vós pelos laços afetivos que vos unem.

Vossos animaizinhos são os primeiros a captar os vossos desequilíbrios

e por amor incondicional, sentirão a necessidade de se doar por vós.

Aprendam a amar e respeitar o reino animal, sabendo que este

Planeta ainda se mantêm, por causa da ação natural e incondicional

dos animais em amor e entendimento à Lei de Evolução da vida.


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • w-facebook
  • Twitter Clean